Novo recorde de velocidade de transmissão de dados em fibra óptica

Novo recorde de velocidade de transmissão de dados em fibra óptica

Resultado é 5,7 vezes mais rápido que a maior velocidade até hoje para uma fibra do tipo monomodo e é equivalente à transmissão online ao vivo com resolução de TVs 8K para mais de 10 milhões de pessoas simultaneamente

O Grupo Prysmian, especialista mundial em cabos e sistemas de energia e telecom, em parceria com a Nokia Bell Labs e o Instituto Nacional de Tecnologia da Informação e Comunicação do Japão (NICT), estabeleceram um novo recorde na velocidade de transmissão de dados ao atingir o patamar de 1 Petabit por segundo através de uma fibra óptica monomodo standard.

O experimento combinou a transmissão óptica de banda larga espectral em uma fibra óptica guiando 15 modos espaciais e o uso de multiplexadores. A capacidade total da rede é de 1 Petabit (1015) por segundo, o que corresponde à transmissão simultânea de 8K-TV (33,2 megapixels, resolução 16x melhor que uma TV FullHD) para 10 milhões de pessoas.

“Na última década, o tráfego de dados aumentou cerca de 100 vezes. A capacidade da fibra acompanhou de perto esse crescimento exponencial, graças à introdução de novas tecnologias. O tráfego de dados deve continuar crescendo a uma taxa exponencial semelhante na próxima década, principalmente devido ao desenvolvimento de redes sociais, vídeo sob demanda e plataformas multimídia móveis. Nesse contexto, a multiplexação por divisão espacial foi reconhecida como única tecnologia de multiplexação capaz de atender a esse desafio de capacidade”, comentou Eric Stoltz, VP da unidade de negócios de Fibra Óptica do Grupo Prysmian.

O Grupo de Pesquisadores do NICT e Nokia Bell Labs, junto ao time da Unidade de Negócios de Fibra Óptica do Grupo Prysmian, obteve sucesso na primeira transmissão multiplexada espacial do mundo com taxa superior a 1 Petabit por segundo em uma fibra monomodo standard (125/245μm). 

Este novo recorde significa um aumento da taxa de transmissão de dados em fibras ópticas monomodo standard em 5,7 vezes, acompanhado de aumentos em 2,5 vezes (few-mode fibers) e 1,7 vezes (multi-core fibers). Os resultados deste estudo foram aceitos pela a prestigiada 46ª Conferência Europeia de Comunicações Ópticas (ECOC) realizada em dezembro de 2020, uma das maiores conferências internacionais relacionadas às comunicações por fibra óptica.

Espera-se que o recorde alcançado na transmissão de um grande volume de informações, utilizando fibra óptica monomodo standard (single-core few-mode fibers), alta densidade de multiplexação espacial e produção simples, avance a tecnologia de transmissão de dados de alta capacidade.

Esse tipo de tecnologia pode ser utilizado em redes de telecomunicações e de dados, desde aplicações de curto e longo alcance, possibilitando para tecnologia de fibra óptica monomodo standard um novo patamar de aplicações de alta demanda e densidade.

Leia também Siemens fecha acordo para fornecer infraestrutura para ônibus elétricos ao terminal de última geração de Hamburgo

Compartilhe esta postagem

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

Notícias Relacionadas

Faça uma pesquisa​​

Últimas notícias