Senado aprova MP que beneficia consumidores de energia elétrica

Senado aprova MP que beneficia consumidores de energia elétrica

O Senado Federal aprovou, no dia 04 de fevereiro, a Medida Provisória 998, que permite alívio tarifário para os consumidores do Brasil e implementa importantes avanços na modernização do setor elétrico. A MP também contribui para apoiar a retomada do crescimento econômico do País.

Senado aprova MP que beneficia consumidores de energia elétrica

São introduzidos importantes avanços na pauta de modernização e ampliação do mercado livre do setor elétrico, conduzida pelo Governo Federal em conjunto com o Congresso Nacional. Estabelece-se uma alocação de custos mais eficiente entre os consumidores, ao permitir a realização de leilões voltados a robustecer a segurança energética do País, cujo custeio se dará de forma equilibrada entre os consumidores, o que não ocorre hoje.

Outro importante avanço na pauta de modernização e que agrega benefícios para os consumidores é a redução dos subsídios para as fontes incentivadas, que hoje custam mais de R$4 bilhões de reais aos consumidores e crescem cerca de R$500 milhões por ano. A transição dos incentivos para um modelo de valoração dos atributos ambientais ocorrerá com mais previsibilidade, maior segurança jurídica e total respeito aos contratos.

O Ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, comemorou a aprovação da Medida Provisória pelo Senado. “É sinal claro do alinhamento do Congresso Nacional com as políticas públicas do governo para o setor elétrico e denota, acima de tudo, um compromisso com os alívios tarifários viabilizados pela MP”, disse.

Outro importante ponto contemplado pela Medida Provisória foi a viabilização da estruturação financeira da usina de Angra 3, com previsibilidade e transparência, fortalecendo o setor nuclear do País.

O Ministério de Minas e Energia destaca que a Medida Provisória aprovada é mais uma ação do governo do Presidente Jair Bolsonaro na busca de um setor elétrico cada vez mais eficiente, competitivo e que proporcione benefícios para todos os consumidores brasileiros.

Leia também Bandeira em fevereiro segue amarela

Compartilhe esta postagem

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

Notícias Relacionadas

Faça uma pesquisa​​

Últimas notícias