Meta de expansão da geração em 2021 é de 4.790,48MW

Meta de expansão da geração em 2021 é de 4.790,48MW

Entre as principais novas unidades de geração liberadas pela Aneel destacaram-se o Ceará e a Bahia

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) planeja liberar este ano 4.790,48 megawatts (MW) para entrada em operação comercial. Apenas em janeiro, a fiscalização da Agência liberou 159,67MW para operação comercial, sendo 135,99MW (85% do total) em empreendimentos de geração eólica, 17,70MW (11%) em hídrica a partir de pequenas centrais hidrelétricas, e 5,98MW (4%) provindos de usinas termelétricas.

Foram liberados pela Aneel, em janeiro, novas unidades de geração em seis estados, quatro deles na região Nordeste. Destacaram-se o Ceará, com aproximadamente 54,6MW, e a Bahia, com 33,6MW.

Capacidade instalada

O Brasil inicia 2021 com 174.700,1MW de potência fiscalizada, de acordo com dados do Sistema de Informações de Geração da Aneel, o SIGA, atualizado diariamente com dados de usinas em operação e de empreendimentos outorgados em fase de construção. Desse total em operação, 74,81% das usinas são impulsionadas por fontes consideradas sustentáveis, com baixa emissão de gases do efeito estufa.

Outras informações sobre o acompanhamento da expansão da oferta de geração estão disponíveis em painéis interativos no endereço. Esses painéis, atualizados mensalmente, mostram a previsão para a entrada de novas unidades geradoras para os próximos anos.

Eles trazem ainda um histórico da expansão da geração desde a criação da Aneel (1997).  Além dos painéis, a também está disponível base de dados com informações de previsão e acompanhamento de obras dos empreendimentos outorgados para construção.

Leia também Setor de energia solar deve ganhar cerca 5,4 mil novas empresas no pais em 2021

Compartilhe esta postagem

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

Notícias Relacionadas

Faça uma pesquisa​​

Últimas notícias