NeoSolar tem meta de levar luz para todos em 2021

NeoSolar tem meta de levar luz para todos em 2021

Com o objetivo de continuar promovendo a distribuição de equipamento off-grid, o plano estratégico da NeoSolar para 2021 envolve ações com soluções que apresentaram 50% de crescimento em relação aos anos anteriores, sempre com o intuito maior de levar energia elétrica para regiões isoladas, ribeirinhas ou mesmo comunidades afastadas, que ainda não contam com fornecimento contínuo de energia.

Para isso, a empresa mantém um amplo volume de ofertas de produtos no portfólio e investe constantemente em treinamentos para equipe interna. Assim, a companhia trabalha para atender cada vez mais o perfil e às necessidades de seus clientes, sendo vanguardista na apresentação de soluções para seu público.

“Um de nossos valores diz: “evoluímos sempre”. E é assim que acreditamos que devemos atuar. Buscamos incessantemente novos produtos no mercado externo para fomentarmos cada vez mais o mercado” afirma o sócio-diretor Raphael Pintão.

“Também investimos muito em comunicação para todo o Brasil, visto que muitas das nossas soluções são aplicadas especialmente nas regiões Norte e Centro-Oeste. Acreditamos ser agentes fundamentais para o desenvolvimento do mercado também nessas regiões”, reforça.

Há anos, a empresa desenvolve uma parceria com a organização Litro de Luz, com o objetivo de levar energia a essas comunidades e disseminar o uso da energia fotovoltaica por meio dos sistemas off-grid. Recentemente, a empresa também levou acesso à energia em Ilhabela, região litorânea, próxima à capital do Estado de São Paulo, que recebeu instalações para aproximadamente 200 famílias:

“Muitas vezes, imaginamos que regiões isoladas estão afastadas dos grandes centros urbanos, mas nem sempre é assim”, aponta Pintão.

O crescimento do uso de sistemas off-grid reflete diretamente no avanço da tecnologia, sua simplificação e, consequentemente, seus custos, pois o uso da energia solar criou sua própria cadeia de suprimentos para os componentes, que constantemente se atualizam para atender as novas tendências.

Mais oportunidades

De acordo com a Neosolar, a Energia Solar Off-Grid é o meio mais econômico para ter acesso à energia elétrica em locais isolados. Este sistema possui uma gama de aplicações para geração de energia, que vão desde residências isoladas até barcos e trailers.

É também bastante comum o uso para iluminação pública, sistemas de telecomunicações e eletrificação rural. A energia solar pode ser usada, inclusive, para bombeamento de água, utilizando apenas o painel solar e a bomba solar. Esse é um uso cada vez maior no setor pecuário, extremamente relevante e presente no País.

“Está surgindo também uma grande demanda para sistemas com armazenamento – nobreak solar, que são formados por inversores híbridos off-grid –, o que possibilita o uso de uma outra fonte externa de energia, como rede elétrica ou gerador a diesel, por exemplo, com o intuito produzir energia complementar aos painéis fotovoltaicos. Assim, garante-se a energia necessária para alimentar os equipamentos elétricos”, destaca o sócio-diretor da NeoSolar.

SIGFI

Desenvolvido para ser utilizado em regiões cuja fonte de energia não é contínua, o Sistema Individual de Geração de Energia Elétrica com Fonte Intermitente (SIGFI) é um sistema para consumo de até 80kWh/mês, estruturado para funcionar de forma autônoma (off-grid), com painéis e baterias. Ou seja, gera energia elétrica para comunidades rurais, isoladas ou remotas sem acesso à energia.

Ele é composto por painel solar fotovoltaico, controlador de carga, bateria estacionária e inversor. O painel fotovoltaico capta a energia do sol em corrente contínua e o controlador regula para que ela seja armazenada na bateria. O inversor tem a função de converter a corrente contínua armazenada pela bateria em corrente alternada para poder ligar os equipamentos elétricos.

Neste ano, a NeoSolar pretende instalar e dar manutenção em diversos sistemas instalados na Bahia como parte do programa Luz Para Todos. “O que mais desejamos é que a energia solar fotovoltaica se torne uma solução viável e utilizada em todo o País. Para isso, continuaremos trabalhando com a diversificação do portfólio e soluções diferenciadas para que ampliem a utilização do produto em volume e região”, afirmou Raphael Pintão.

Leia também Litro de luz leva sustentabilidade e inovação a comunidades carentes

Compartilhe esta postagem

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

Notícias Relacionadas

Faça uma pesquisa​​

Últimas notícias