Distribuidoras brasileiras encerram 2020 com sobrecontratação de 109,1%

Distribuidoras brasileiras encerram 2020 com sobrecontratação de 109,1%

Diante da redução inesperada no consumo de energia elétrica causada pela pandemia de Covid-19, a sobrecontratação das distribuidoras brasileiras se afastou ainda mais do limite regulatório em 2020.

No encerramento do ano, as empresas contavam com um volume contratado de energia que correspondia a 109,1% da carga registrada no período. Os dados foram divulgados pela Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE).

Balanço Energético Contabilizado em 2020

Em 2020, enquanto a carga no Ambiente de Contratação Regulada (ACR) chegou a 43,5 gigawatts (GW) médios, os contratos registrados pelo conjunto das distribuidoras atuantes no País somavam 47,5GW médios.

Para este ano, a estimativa da CCEE aponta para uma sobrecontratação de 105,1%, já bem próxima do teto regulatório. Em 2021, a expectativa é que a chamada Distribuidora Brasil conte com contratos de 47,6GW médios, amparados por uma carga de 45,2GW médios. De acordo com o levantamento, a contratação das empresas de distribuição só deve voltar a ficar abaixo dos volumes consumidos de energia em 2025.

Balanço Energético Projetado para 2021

Os resultados consideram a projeção mais recente publicada pela CCEE, em conjunto com o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) e a Empresa de Pesquisa Energética (EPE), para o planejamento anual. “Uma gestão aprimorada da contratação de energia garante uma operação mais eficiente de todo o sistema. Justamente por isso, estamos colocando a modernização da contratação do mercado regulado como um dos focos da Câmara de Comercialização. Queremos apresentar propostas de melhorias para os mecanismos que ajudam as distribuidoras a administrarem estes valores”, afirma Rui Altieri, presidente do Conselho de Administração da CCEE.

Leia mais sobre o setor de distribuição de energia

Compartilhe esta postagem

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

Notícias Relacionadas

Faça uma pesquisa​​

Últimas notícias